Pular a navegação e ir direto para o conteúdo




23.05.13

Lago Jacarey: As mesas em torno do lago

Publicado por Administrator

Bom exemplo de como o setor de alimentação acompanha a expansão urbana em Fortaleza, o Lago Jacarey revela-se um polo gastronômico
Foi-se o tempo em que caranguejo era na Praia do Futuro, panelada era comida de periferia e polo gastronômico era Varjota. Nos últimos anos, Fortaleza experimenta uma “democratização” culinária que facilita a vida dos interessados em comer fora – pelo menos no sentido geográfico.

Com o mercado aquecido, é crescente o número de bairros fora da Aldeota e adjacências a receberem empreendimentos ligados à alimentação, entre bares, restaurantes, lanchonetes e lojas especializadas. Em alguns, a concentração é tanta que chega a formar uma espécie de polo.

Atento às mudanças, o Guia visitou um dos bairros em destaque nesse processo, a cidade dos Funcionários – mais especificamente, na área próxima ao Lago Jacarey. Do espetinho da feira que acontece na praça a restaurantes de grande porte, as novidades amontoam-se por lá.
A quantidade de novos estabelecimentos – abertos há três, cinco meses – evidencia a demanda dos moradores do bairro, que no último domingo, por exemplo, espalhavam-se por todos eles.

Peixes, carnes vermelhas, docinhos, milk shakes e sorvetes, sopas, sanduíches, crepes e até comida japonesa contam com a vantagem da bela vista do lago e ao clima tranquilo de bairro afastado. No mais, é levar um repelente e ser feliz: sem as muriçocas (que costumam aparecer no fim de tarde) a satisfação é garantida.

Lago Jacarey
Um rolê de respeito
Aqui a conversa precisa ser objetiva, porque é muita opção para pouco espaço. Nosso passeio começou por dois dos maiores restaurantes do entorno do lago - coincidentemente, um veterano e um novato. Enquanto o Chez Onofre faz-se presente há oito anos no local, o Tilapia´s Grill foi inaugurado há cinco meses.

No primeiro, as carnes vermelhas são as melhores pedidas. Há desde filé à parmegiana (R$ 38) e com fritas (R$ 40,60) até o Filé de Maitre, acompanhado de brócolis, batatas coradas com casca, mel, queijo roquefort e arroz branco (R$ 50,60, duas pessoas) e o Filé Dom Chico (R$ 48, duas pessoas), flambado no conhaque, recheado com queijo, acompanhado de batata palha e arroz puxado no molho.

Antes, porém, é obrigatório provar o queijo coalho na brasa (R$10,90), o mais macio provado pelo Guia até agora.

No Tilápia´s Grill, ao contrário, o peixe do nome é o carro-chefe. A tilápia pode vir frita, grelhada ou assada (nesse caso, em uma churrasqueira, opção mais interessante). O cardápio indica os tamanhos G (R$ 32) e GG (39).

Há ainda outras opções de pescados, como o pargo frito ao molho de camarão (R$68) ou o Filé de sirigado à moda do chef (R$ 72), com camarões, palmito, batata sauté, arroz de brócolis ao molho especial do chef. Para quem não dispensa carne vermelha, o restaurante oferece itens da churrasqueira por quilo (picanha, maminha, carneiro, costelinha suína, entre outros).

Variedade

Se a ideia é um lanche, continue na mesma calçada e aparecem o Sr. Crepe (destaque na edição passada do Guia) e a lanchonete Posto 9, abertos há um e dez meses, respectivamente. No primeiro, o destaque é a lista de crepes, coma massa sequinha.

Já no Posto 9 o cardápio apresenta sanduíches no pão árabe de cubos de frango ou de filé mignon. As opções de recheio são as mesmas para os dois casos - catupiry, queijo cheddar ou bacon crisp. O de frango com cheddar e bacon, por exemplo, sai por R$ 9,90; o de filé com catupiry e salada, por R$ 12,90.

Tem ainda X-burgers (com bacon, calabresa ou cebola caramelizada) e petiscos, como a porção de anéis de cebola empanados e a batata frita "xtreme" (grande), ambos por R$ 7,90.

Um pouco mais afastada do lago, mas ainda na mesma área, fica a confeitaria Maria Coxinha, aberta há três anos. No cardápio, as coxinhas vão além da versão com frango (R$ 3,80) e aparecem com recheios de camarão e requeijão (R$ 6,80), caranguejo (R$8,20) e, pasme, até chocolate (R$ 6,80). "A ideia veio a partir de pedidos dos clientes. Testei e o chocolate foi o recheio que deu mais certo. A massa também é diferente, adocicada", explica a proprietária Carolina Lima.

A Maria Coxinha oferece ainda tortas salgadas e doces, pães recheados e empadas. Para encomendas, o cardápio é ainda mais extenso.

Outro destino interessante - nesse caso apenas para o jantar - é a Soparia Alecrim, que oferece 17 sabores alternados durante os dias de funcionamento. Há desde os mais simples, como canja, feijão e carne com legumes até opções interessantes como abóbora com carne, consomê de camarão, bacalhau, macaxeira com carne de sol, caranguejo, lagosta e aspargos.

Sobremesas

Para matar a vontade por um docinho, a Milk Shake Mix fica vizinho à Alecrim. A loja oferece dezenas de sabores, divididos entre frutas (abacaxi, banana com canela, kiwi, coco, limão, entre outros), tradicionais (algodão doce, brigadeiro, beijinho, chocolate, Ovomaltine etc) e especiais (como amendoim, Choquito, paçoca, pé de moleque e leite Ninho).

O preço é o mesmo para todos os sabores (exceto os especiais, que custam R$ 2 a mais), conforme o tamanho. O pequeno (250ml) sai por R$ 5; o grande (500ml), por R$ 7. Há ainda os Mix (sorvete de baunilha com adicionais), sundaes e casquinhas.

Outro endereço procurado é a Brigaderia Retrô, cujo cardápio varia diariamente entre mais de 30 sabores do docinho (R$ 2 cada) - com exceção do Tradicional (chocolate ao leite), presente todo dia no balcão. Negresco, 3 Leites, pistache, limão, coco queimado com crocante e Romeu e Julieta (queijo e goiabada) são alguns dos mais pedidos. Na loja há ainda tortas e brownies (R$ 3) - inclusive de chocolate branco (R$ 3,40). Com sorvete, saem por R$ 9 e 9,50, respectivamente.

Na praça
Milho, espeto e acarajé

Nessas páginas couberam apenas algumas
das opções do Lago Jacarey. Um breve passeio pela área mostrou ainda uma
pastelaria (Pastel do Lago), restaurante de comida japonesa (Kasuki),
delicatessen, loja de produtos regionais, pizzaria (Trigall) e galeterias. As
opções do bairro crescem a passoa largos.

Há anos, porém, uma delas
permanece imune às mudanças, a feirinha que acontece às sextas, sábados e
domingos na praça do lago. Em alguns metros, é possível escolher do espetinho ao
milho verde, passando pelos famosos pratinhos de comida regional, salgados,
bolos, crepes no palito, tapiocas, batata frita, pipoca e até
acarajé.

Entre barraquinhas e carrinhos de vendedores, o Point do Lago
permanece há duas décadas como ponto certo de parte do público, entre diferentes
administrações. A última tem pouco mais de dois anos. Recentemente, o
restaurante passou a funcionar para almoço, em sistema de self-service. Mas é a
noite que o movimento aumenta. Têm boa saída o Mistão (várias carnes feitas na
churrasqueira) e o Sirigado ao molho de camarão (R$ 48,90). Se a ideia é
petiscar, aposte nos espetos da casa (o de maminha, por exemplo, curta R$ 7,90)
e uma cerveja gelada.

Adriana Martins
Repórter

Serviço
Brigaderia Retrô
R. Ubirajara Mindello, 1279. Funciona de
12h às 20h (fecha segunda). Tel.: (85) 3067.7550

Chez Onofre
Av.
Viena Weyne, 310. Funciona das 11h a 0h (fecha segunda). Tel.: (85) 3271.
1844

Maria Coxinha
R. Marechal Lott, 20. Funciona de Funciona das
15h às 22h (terça a domingo). Tel.: (85) 3082.8984

Milk Shake
Mix
Av. Viena Weyne, 191. Funciona das 16h às 22h (segunda a sábado;
domingo a partir das 17h). Só aceita cartão de débito

Posto 9
Av.
Viena Weyne, 390. Funciona das 17h às 23h (terça a quinta e aos domingos; sexta
e sábado, até 0h). Tel.: (85) 3025.2990

Rede Açaí.com
Av. Pedro
Lazar, 732. Funciona das 14h às 22h, diariamente. Tel.: (85)
3278.2289

Soparia Alecrim
Av. Viena Weyne, 181. Funciona das 17h
às 22h (fecha sábado). Tel.: (85) 3271.3565

Sr. Crepe
Av. Viena
Wayne, 364. Funciona das 17h às 22h30 (segunda a quinta); das 16h às 23h30
(sexta a domingo).
Tel.: (85) 3271.3595

Tilapia´s Gril
Av.
Dep. Joaquim de Figueiredo Correia, 194. Funciona das 11h às 23h30 (fecha
segunda). Tel.: (85) 3011.0801



PUBLICIDADE

Opinião

Avaliação:
(0 votos)


Busca Rápida